Empresa francesa proíbe divulgação de fotos de modelos “photoshopadas”

Eis um assunto interessante. Você já deve saber que a grande maioria das fotos comerciais, mesmo usando as mulheres e homens mais bonitos, recebem uma grande carga de photoshop, certo?

Em um mercado cada vez mais exigente, é difícil encontrar imagens que não receberam alteração. (As próprias ferramentas do photoshop são inspiradas em ferramentas de laboratórios de revelação fotográfica.) Porém as coisas já chegaram a níveis absurdos. A pessoa retratada, muitas vezes foi tão modificada para caber nos padrões de beleza que ela deixa de ser “humana” para se tornar uma “ilustração”. Veja um exemplo abaixo:

maxresdefaultPode parecer besteira, mas por conta disso, muitas mulheres e homens hoje se inspiram em padrões de beleza que não são reais, a ponto de isso se tornar caso de saúde, como a bulimia.

A publicidade tem ficado cada vez mais exigente com os níveis de beleza no mesmo ritmo em que muitas mulheres, hoje em dia, lutam contra essa prática. Para a empresa francesa, Getty Images, isso se tornou regra. A partir de Outubro/2017 essa empresa, que divulga fotos tratadas, irá colocar, em todas as suas peças publicitárias um aviso sobre a alteração do peso da modelo ou intervenções de software.

Para a França, quem infringir essa lei, e divulgar fotos que modificam muito a imagem natural da modelo, estará sujeito a multas de até €37.500 (R$147.000). Infelizmente, essa lei não foi tão restritiva quanto a outras questões, como mudar a forma do rosto, pele, cabelo, nariz, cor dos olhos e pele de veludo, mas é um bom começo.

Um e-mail foi enviado a todos os colaboradores da empresa sobre a mudança, mas ainda não sabemos o que acontecerá com as imagens do formato antigo. (por exemplo: Getty Images possui mais de 80 milhões de fotos em seus arquivos)

Na nossa opinião, esse tipo de lei é necessária pois muitas pessoas não conseguem absorver e diferenciar o que é realidade e o que é fantasia no mundo da fotografia e acabam querendo seguir padrões extravagantes e inexistentes.

No Brasil, ainda não temos nada semelhante. Temos apenas uma luta silenciosa sobre os padrões de beleza por algumas empresas de cosméticos conscientes, e uma quantidade crescente de pessoas que busca padrões irreais e não entendem que a perfeição, do forma natural, simplesmente não existe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s